sexta-feira, 9 de abril de 2010

Dias

"Tem dias que eu me sinto tão dawn". rs' uma risada amarela por traz da piada, uma piada preto e branco para fazer surgir sorrisos.
Tem dias que eu queria querer ouvir aquela voz, A voz, que mudaria o dia, ver aquela face, sentir aquela presença...
Uma, um, indefenido.
Tem dias que queria ser diferente, dispistar de mim a sombra da culpa, por ser menos que poderia, tem dias que queria surpreender, aos outros e a mim, talvez não só eu, todos tenhamos essa vontade (?)
Tem dia que nem sequer amalerado consigo sorrir, (mesmo que se meus dentes se aparecessem em um sorriso o forçariam a assim sê-lo).
Tem dias que me sinto inútil, preguiçosa, completamente desnecessária. Isso pela solidão que as vezes se mostra... por dias!
Nesses dias, tenho tido a única coragem de dizer, coisas sobre mim, mas me acovardei para as verdades do mundo, que são as que eu precisava saber.É dificil sentir o mundo, ouvir tantas vozes, tantos pensamentos, sei que é, pois difícil se torna as vezes, me ouvir.
Acabei de perceber, tem dias que contradigo a outros dias.
E tem dias que preferia noite. Que noite fosse!
Tem dias que quero colo, dias que tenho medo, sei tem os que queria fugir, os que queria voar, os que queria ser apenas uma partícila no oceano ( e me pergunto se não sou isso agora).
Tem dias que meu ser é noite!

Um comentário:

Donald Mark disse...

Conheço bem o seu olhar de "eu não quero estar aqui"... mas parece você tem muitos outros olhares!

dez_interessantes

About Author